Eventos em outubro 17

Outubro de 2017 marcou um grande momento do Judô brasileiro

A Federação Mineira de Judô, em parceria com a Confederação Brasileira de Judô, o município de Belo Horizonte e o Minas Tênis Clube, realizou dois grandes eventos. O Troféu Brasil Interclubes de Judô, valendo pontos para o ranking das Olimpíadas de Tóquio 2020, e o Desafio Internacional Brasil x Alemanha de Judô por equipes, neste outubro.
 
O comparecimento de atletas medalhistas em Olímpiadas e Campeonatos Mundiais, do grande público e a importante cobertura da TV, principalmente, pelo canal Sport TV, e das diversas mídias sociais evidenciou ainda mais a importância, excelência e capacidade, não só dos atletas, como do evento como um todo.
 
Ainda como parte do evento, várias apresentações de Judô foram feitas nas escolas municipais de Belo Horizonte e os alunos, não só foram convidados a assistir o evento, como tiveram participação ativa por meio de brincadeiras e dinâmicas, mostrando não só a importância da prática do esporte, como a possibilidade dessa prática por qualquer um, sem qualquer tipo de limitação.
 
É muito gratificante ver como o esporte é agregador, como é bem recebido pelos jovens, que basta dar acesso e investir que teremos grandes atletas.
 
Parabéns à Federação Mineira de Judô, ao município de Belo Horizonte, à Confederação Brasileira de Judô e, principalmente, aos nossos grandes atletas por esse belíssimo espetáculo.

Texto: Nédio/FMJ

Quatro dobradinhas fez Pinheiros dominar quadro geral por entidades

Depois de um longo sábado de competição, o último dia de disputas do Troféu Brasil Interclubes de Judô definiu os campeões dos pesos Meio Médio, Médio, Meio Pesado e Pesado.

Nas categorias femininas, as campeãs foram Ketleyn Quadros (63kg/Minas), Barbara Timo (70kg/Pinheiros), Samanta Soares (78kg/Pinheiros) e Beatriz Souza (+78kg).
Nos pesos masculinos, Leandro Guilheiro (81kg/Pinheiros), Eduardo Bettoni (90kg), Renan Nunes (100kg/Sogipa) e Jonas Inocêncio (+100kg/Pinheiros) levaram a melhor neste domingo.

Com quatro dobradinhas, Pinheiros dominou o quadro geral por entidades.

No masculino, o pódio geral ficou com o Pinheiros (SP) em primeiro lugar, Minas (MG) em segundo, Sogipa (RS) em terceiro, São José dos Campos (SP) em quarto e o Sesi (SP) em quinto.

No feminino, o Pinheiros (SP) manteve o primeiro lugar, a Sogipa (RS) ficou em segundo, o Minas (MG) em terceiro, o Reação (RJ) em quarto e a Nunes Associação Esportiva de Cacoal (RO) em quinto.

Texto: Mayara Ananias/CBJ